Por que devemos usar protetor solar no inverno?

Existem horários melhores para usar protetor solar?

Quando é preciso se proteger dos raios solares?

Com que frequência é preciso reaplicar o protetor solar?

Os raios solares provocam o envelhecimento precoce da pele, geram manchas e podem até mesmo provocar câncer. Ou seja, além da preocupação estética, utilizar protetor solar também é uma questão de saúde.

No inverno, as baixas temperaturas deixam a pele ressecada e frágil. Como consequência, ela fica mais exposta aos raios ultravioleta, às bactérias e alergias.

Os raios UVB são mais intensos entre 10h e 16h. Já os raios UVA são diretamente ligados ao câncer de pele e estão presentes em todas as horas do dia. 

O protetor solar é uma das etapas mais importantes da skincare. No entanto, no inverno, quando a incidência de raios solares é menor do que nas outras estações do ano, a proteção solar acaba sendo deixada de lado. No entanto, em países tropicais como o Brasil, os índices de radiação UVA e UVB são altos em todas as épocas do ano, e o uso diário de protetor solar é fundamental para proteger contra os danos dessas radiações, prevenindo o envelhecimento precoce e o câncer da pele.

Mesmo em dias nublados e chuvosos, o sol não deixa de emitir raios UVA e UVB, ainda que possa parecer escondido entre as nuvens, mesmo no inverno a radiação solar penetra em nossa pele, capaz de causar danos nas células do tecido.

Com isso, a radiação solar pode causar inúmeros sinais na pele, como a flacidez, envelhecimento precoce e também manchas, que podem surgir por meio da hiperpigmentação. Além disso, não usar o protetor solar pode piorar o melasma, mesmo que você passe a maior parte do seu tempo em casa.

Em casos mais graves, os raios ultravioleta podem causar queimaduras, lesões e em longo prazo o câncer de pele. Sendo assim, ele é indispensável para sua rotina de cuidados e começar o seu dia, sem maiores problemas.

De acordo com as recomendações da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a quantidade de protetor solar aplicada é importante para garantir a proteção. Aplique uma colher de sobremesa para rosto e pescoço, ou no caso dos compactos, uma quantidade que cubra bem a pele. Além disso, o ideal é realizar reaplicação do protetor solar a cada 2 horas, garantindo sua eficácia ao longo do dia. Outro ponto importante a ser destacado é o fator de proteção solar, que deve ser sempre acima do FPS 30.

Principais benefícios do protetor solar :

Anti-idade excelente;

Como você leu até aqui, além do tratamento com os dermocosméticos ideias para o seu tipo de pele, o protetor solar é fundamental para prevenir os sinais e lesões causadas pelo sol. Mas, para além disso, ele é um grande aliado do tratamento anti-idade, já que protege a pele dos fortes danos causados pela radiação solar.

O protetor solar protege sua pele;

Além disso, como no inverno passamos boa parte do tempo sob luzes artificiais, é essencial que estejamos sempre protegidos contra a luz visível. Além do sol, a luz visível é emitida a partir das telas eletrônicas, como televisores, smartphones, computadores e também pelas luzes fluorescentes.

O protetor solar previne o melasma;

Ainda que pareça ser uma luz inofensiva, ela é extremamente danosa, já que também tem a capacidade de penetrar em nossa pele e contribuir para a formação de manchas, principalmente.

Nesse aspecto, o protetor solar tonalizante será seu melhor aliado. Além de proteger contra os raios solares UVA e UVB, os pigmentos presentes em sua fórmula (que devem se adaptar ao seu tom de pele) garantem que você esteja protegido contra a luz visível.

O protetor solar previne o câncer de pele.

O protetor solar previne as rugas, flacidez e a sensibilidade na pele.

Agora, que você já sabe a importância do uso de protetor solar no inverno, basta levar esse item sempre na sua nécessaire e poderá manter a pele bonita e protegida o ano todo.

Se, mesmo com todos os cuidados, você observar o surgimento de manchas na pele, principalmente no rosto, procure um dermatologista. Assim, poderá descobrir se a fonte do problema é o Sol ou outro fator e, então, partir para o tratamento adequado.